NINGUÉM PODE TE OUVIR (Curta-metragem)

CENA 6 CASA INT./NOITE

Sua mão vai até a maçaneta e, ao abrir a porta, com as luzes da lanterna, percebe que Luciana está amarrada em uma cadeira.

LUCIANA:
Que palhaçada é essa?

JORGE:
O Lucas está com você?

LUCIANA:
Eu estou sozinha você não ta vendo?

Com a ajuda de sua faca, Jorge solta Luciana da cadeira. Ele então percebe que ela está suja de sangue.

JORGE:
Que sangue é este?

Luciana:
Eu não sei.

(TRECHO RETIRADO DO ROTEIRO)

QUANDO OS ANJOS FALAM (Longa-metragem)

CENA 3 CASA INT./NOITE

Luna entra pela porta da sala, é possível ver seu pai sentado no sofá de frente a TV. Luna aperta o passo para não ser vista, mas seu pai se vira e a vê indo em direção ao quarto.

CORTA PARA:
Luna tranca a porta do quarto, seu pai chega e a chama pelo lado de fora.

JUCA:
Luna preciso falar com você.

LUNA:
Agora não pai to ocupada.

JUCA:
É que tem uma pizza na mesa da cozinha, queria que você comesse.

LUNA:
Agora não, depois.

JUCA:
Mas já ta tarde e você precisa comer.

LUNA:
Agora não! (irritada)

CORTA PARA:
É possível ver no semblante do pai, o abismo existente em sua relação com a filha.

(TRECHO RETIRADO DO ROTEIRO)

Semana Nacional do Trânsito – NASCENTES DAS GERAIS

Vídeo produzido para a semana nacional do trânsito, campanha que foi idealizada e coordenada pela Concessionária Nascentes das Gerais.

Produção, Locução e Imagens: Alisson Resende
Mês / Ano: Outubro de 2014

 

Divinópolis contada em Música, Verso e Prosa

Documentário
Imagens / Direção / Roteiro / Produção e Edição: Alisson Resende
Ano: 2011

O objetivo era trabalhar o tema “TERNURA” proposto pelos professores da graduação.  Afinal de contas, é possível existir ternura em uma cidade e será que existe ternura na cidade de Divinópolis localizada no interior de Minas Gerais? Nossos entrevistados debatem este tema com um olhar intimista.

 

NINGUÉM PODE TE OUVIR, um suspense com muito sangue!

Confira abaixo o meu primeiro curta-metragem gravado no estado do Rio de Janeiro.

Curta-metragem NINGUÉM PODE TE OUVIR
Academia Internacional de Cinema (Rio de Janeiro – 2016)

FICHA TÉCNICA:

Alisson Resende – Direção e Roteiro
Ingrid Dutra – Assistente de Direção
Yuri March – Fotografia e Montagem
Maria Clara Fernandes – Som
Nícolas Feijóo – Som
Marcela Quintanilha – Produção
Bárbara Reis – Direção de Arte

ATORES:

Bárbara Reis
Bruno Santiago
Marcela Quintanilha
Nathan Rigueira

NINGUÉM PODE TE OUVIR foi produzido durante o curso de imersão em cinema na Academia Internacional de Cinema do Rio de Janeiro. O roteiro escrito por Alisson Resende, é uma homenagem ao gênero de suspense/slash/trash e recebeu críticas positivas da crítica especializada. O curta foi selecionado para a Mostra de Cinema Digital de Uberaba.

PÔSTER-OFICIAL-NINGUÉM-PODE-TE-OUVIR.png
Pôster Oficial